O que você procura?

Notícias

Escrito em 09 de Março por Fúlvio Costa

Ano do Laicato é destaque na primeira reunião do Conser em 2018

Durante esses dias, eles discutiram temas pertinentes à vida da Igreja no Brasil, sobretudo no regional.

Imagem Homilias

Nos dias 6 a 8 de março, os bispos do Regional Centro-Oeste da CNBB (Goiás e Distrito Federal) se reuniram no primeiro Conselho Episcopal Regional (Conser) do ano. O encontro aconteceu na Casa São Paulo, em São Luís de Montes Belos (GO). Durante esses dias, eles discutiram temas pertinentes à vida da Igreja no Brasil, sobretudo no regional.

O bispo auxiliar de Goiânia, Dom Moacir Silva Arantes, conduziu um diálogo sobre o Ano do Laicato, no dia 6. Ele destacou o capítulo (3, nº 4) do documento 105 da CNBB, Cristãos leigos e leigas na Igreja e na sociedade – “Sal da Terra e luz do mundo” (Mt 5,13-14) que se refere à formação para o laicato. Ali são apresentados princípios formativos para os leigos. Segundo o bispo, é importante que cada diocese valorize a formação dos seus cristãos leigos, uma vez que caso isso não aconteça, corre-se o risco de essa parcela da Igreja buscar formação alheia e até contrária.

Dom Moacir questionou os bispos sobre como a Igreja tem conduzido a formação do laicato em vista de eles compreenderem a sua missão. A internet, por exemplo, conforme o bispo, é um ambiente que tem sido fonte de pesquisa e seguimento de muitos leigos. “Se não nos preocuparmos com a formação dos leigos, eles vão encontrar outros ambientes que irão se preocupar”, ressaltou. Ele também fez algumas perguntas aos bispos para abrir o debate: “Quais nossas perspectivas sobre a atuação dos leigos? Eles são protagonistas? Precisam ser guiados o tempo inteiro? Existe o espaço do leigo onde não conseguimos chegar”. Por fim, Dom Moacir considerou importante, os seminaristas serem formados sobre o papel do leigo na Igreja.

Alguns bispos destacaram logo após, algumas iniciativas em suas dioceses que contemplam a vivência do Ano do Laicato. Dom Marcony Vinícius, bispo auxiliar de Brasília, disse aquela Igreja particular tem se preocupado em dar catequese para funcionários públicos e executivos que se interessam. E a participação tem crescido. Dom Messias informou que na Diocese de Uruaçu foi criada a Comissão Articuladora do Conselho do Laicato. Durante o ato de criação, foram proferidas algumas palestras pelo senhor Laudelino Augusto dos Santos Azevedo, assessor nacional do setor de leigos da Comissão Episcopal Pastoral para o Laicato da CNBB. Dom José Ronaldo, bispo de Formosa, contribuiu com o diálogo explicando que o leigo é aquele que é chamado e se submete ao caminho da conversão. “Esse leigo é sal da terra e luz do mundo, que faz a diferença e muda toda a massa”, afirmou. “A CNBB acredita nisso, insiste e valoriza a construção de cristãos conscientes. Acredita também que com boa formação e oportunidade a pessoa tem experiência de Deus e dá testemunho de sua vida”, completou.

Jubileu de Ouro episcopal

Na manhã do dia 7, a missa com laudes foi presidida pelo bispo emérito de Uruaçu (GO), Dom José Silva Chaves, que no dia 11 de fevereiro celebrou 50 anos de episcopado. Foi um momento importante que marcou a história do regional. A respeito de Dom José, o presidente do regional e seu sucessor na Diocese de Uruaçu, Dom Messias, teceu algumas palavras que merecem ser destacadas.

“Dom José Chaves conheceu a CNBB quando esta ainda era criança. Ele acompanhou a adolescência, a juventude e continua acompanhando com sua presença, seu testemunho, e seu amor, a Conferência dos Bispos. É um homem que reúne em si muitas virtudes: a virtude da santidade tão necessária no sacerdócio, que ele busca crescer e motiva as pessoas para que continuem cuidando da santidade e santificação de suas vidas. É um homem que busca sabedoria, que cresce, que tem sempre uma posição firme para transmitir, para ajudar as pessoas crescerem no amor de Cristo. Ele tem uma saúde maravilhosa e muita disposição de vida e isso nos encanta e nos entusiasma. Nós celebramos e a Diocese de Uruaçu participa deste momento acompanhando este ano de Jubileu de Ouro de Dom José Chaves. A Igreja de Uruaçu é muito agradecida a Deus pela presença dele na diocese e por que não dizer, no Regional”.

Eleições 2018

Ainda durante o Conser, os bispos partilharam assuntos ligados à Igreja no Brasil, a partir de pautas trazidas pelo presidente do regional, Dom Messias dos Reis Silveira, que é membro do Conselho Permanente da CNBB. Os bispos do regional também elaboraram indicações a respeito das eleições 2018. “Não se trata de uma cartilha, mas sim de indicações do regional para que os eleitores façam escolhas com mais clareza. O conteúdo recebeu contribuições de todos os bispos do regional e está em fase final de redação para depois ser divulgada pelos meios de comunicação do Regional Centro-Oeste”, explicou Dom Messias.

Comunicados e informações

Além dos temas de pauta, durante o Conser há sempre comunicados e informações a respeito da vida da Igreja no Brasil e no regional. Nesta primeira reunião do ano, foram destaques.

1 – Pastoral Vocacional
Foi realizado no regional um pré-congresso vocacional em preparação ao Congresso Nacional, que vai acontecer em setembro de 2019. Foi pedido que neste sábado (10), os coordenadores de Pastoral Vocacional participem da reunião que acontecerá na sede do regional, em Goiânia.

2 – Dom Guilherme Werlang
Segundo Dom Messias, um momento marcante deste Conser foi a presença do bispo transferido para a Diocese de Lages (SC), Dom Guilherme Werlang, que foi bispo de Ipameri (GO), por 19 anos. “Ele esteve presente no primeiro dia do encontro, sentou conosco e se despediu. Cada bispo teve a oportunidade de dirigir a ele uma palavra, uma homenagem e depois Dom Guilherme também fez suas considerações. Foi um momento muito bonito e gratificante. Dom Guilherme vai tomar posse da nova diocese no próximo dia 17 de março. A ele nossa amizade, solidariedade e oração fraterna para esta nova missão na Igreja que o Senhor lhe confia”, disse o presidente do regional.

3 – Unidade
Dom Messias também enfatizou que o Regional Centro-Oeste trabalha com muito zelo e dedicação e tem ajudado muitos fiéis principalmente neste tempo em que vozes dissonantes surgem. “Nós estamos aqui como legítimos pastores para cuidar cada um do rebanho com fidelidade e zelo à Igreja, e vamos prosseguir”, disse.

O próximo Conser será durante a Assembleia Geral da CNBB, que acontecerá de 10 a 20 de abril, em Aparecida (SP). E o último Conser do ano será de 12 a 16 de novembro, em Goiânia, sendo que nos dias 15 e 16 acontece a Reunião Anual de Avaliação de Pastoral.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Regional Centro-Oeste da CNBB

 

Atendimento

(62) 3223-4581 / 3225-0339