O que você procura?

Notícias

Escrito em 14/03/2020 por Fúlvio Costa

3º Domingo da Quaresma: Mais horários de missas para evitar propagação do Coronavírus

Com essa iniciativa, desejamos atender todos os fiéis em suas necessidades espirituais, com o objetivo de que em cada celebração aglomere o menor número de pessoas

Imagem Homilias

A Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora – Catedral Metropolitana de Goiânia, seguindo as orientações da Arquidiocese de Goiânia, em razão da situação de emergência na saúde pública no estado de Goiás, contará neste domingo, 15 de março, com mais três horários de missas. Ao todo, portanto, teremos nove horários de missas em nossa paróquia.

Com essa iniciativa, desejamos atender todos os fiéis em suas necessidades espirituais, com o objetivo de que em cada celebração aglomere o menor número de pessoas. Pedimos ainda que nas missas sejam respeitadas as seguintes orientações:

1 – Manter distância de 1 metro entre as pessoas
2 – Cuidados com a higiene das mãos
3 – Obedecer as orientações da Igreja de receber o Corpo de Cristo nas mãos
4 – Não dar a paz de Cristo com aperto de mão ou abraçando
5 – Não saudar as pessoas e o padre com aperto de mãos e abraços 

Evangelho do dia
O diálogo de Jesus com a mulher samaritana, Evangelho deste domingo (Jo 4, 5-42) nos convida a uma reflexão profunda. Jesus nos conhece por inteiro e por isso mesmo nos oferece água viva, aquela que mata definitivamente a nossa sede. Ele não faz acepção de pessoas, não discrimina, mas revela-se a nós, como fez com a samaritana. Jesus, naquele diálogo, quebra padrões da época, pois judeus discriminavam samaritanos, um povo formado pela miscigenação de várias raças. Além disso, ela era uma mulher separada, já havia tido cinco maridos e Jesus garante que se ela pedir, ele lhe daria aquela água especial. 

Esse diálogo tem muito a nos ensinar. Precisamos fazer o esforço diário de oferecer água viva ao nosso próximo. Desprezo, discriminação, disceminação de informações que não fazem o bem, são práticas que não condizem com os ensinamentos cristãos. Se ouvimos o Senhor e colocamos em prática os seus ensinamentos, devemos fazer como a samaritana: “Muitos samaritanos daquela cidade abraçaram a fé em Jesus, por causa da palavra da mulher que testemunhava: `Ele me disse tudo o que eu fiz.`Por isso, os samaritanos vieram ao encontro de Jesus e pediram que permanecesse com eles” (Jo 5, 39-40).

Peçamos ao Pai que esta Quaresma seja a oportunidade para testemunharmos o Cristo no dia a dia. Rezemos sempre pedindo: Senhor, dá-me dessa água que mata definitivamente a nossa sede e nos ajude a levar a tua palavra àqueles que mais precisam. Amém!

Siga nossas redes sociais @Catedralgo (Instagram) e Catedral de Goiânia (Facebook). Confira também no site: www.arquidiocesedegoiania.org.br 

Atendimento

(62) 3223-4581 / 3225-0339