O que você procura?

Pastoral do Dízimo

Escrito em 21 de Junho por Fúlvio Costa

Estruturar a Pastoral do Dízimo é missão de toda a comunidade

Equipe trabalha para promover dimensões religiosa, social e missionária do dízimo da Catedral

Estruturar a Pastoral do Dízimo é missão de toda a comunidade
Equipe da Pastoral do Dízimo foi formada em setembro do ano passado. Fotos: Rudger Remígio

A nova equipe da Pastoral do Dízimo, da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Catedral), foi formada em setembro do ano passado, logo após mons. Daniel Lagni assumir como pároco. Desde então, o grupo que conta com dez integrantes, coordenado pelo casal Mura e Pepeu Vargas, trabalha incansavelmente para que o dízimo seja uma manifestação da vida pastoral frutificante desta comunidade. 

Apesar de o dízimo ser um assunto polêmico em nossos dias, sobretudo pelas notícias de cunho negativo que vemos casualmente nos meios de comunicação, acerca do destino do dinheiro empregado nessa importante dimensão, na Igreja Católica, é tratado com discrição e seriedade e, diversas comunidades buscam ser o mais transparente possível a respeito. “Estamos nos organizando para em breve prestar contas de tudo o que desenvolvemos em nossa comunidade paroquial, seja com o dízimo, seja com as ofertas”, disse em entrevista mons. Daniel.

"O dízimo também é a expressão da gratuidade e do desapego de tudo aquilo que Deus nos dá

Membro e colaborador na coordenação da Pastoral do Dízimo, o Sr. Josino Luiz Neto, afirmou que atualmente, o grupo trabalha para resolver problemas estruturais da Catedral, de modo especial no telhado, que precisa urgentemente de reparos. Em breve deve ser trocada também toda a parte de fiação elétrica que já está bastante desgastada. Em seguida, está previsto a substituição de toda a iluminação interna. Além disso, o grande desafio para os próximos anos será climatizar todo o ambiente. “Somos uma paróquia de bastante visibilidade por ser a Catedral. Aqui acontecem grandes celebrações arquidiocesanas que precisam dar o mínimo de conforto aos nossos paroquianos e isso passa por termos um clima agradável e uma iluminação que corresponda ao trabalho dos meios de comunicação”, justificou mons. Daniel Lagni.

Nara Luiza de Oliveira, que também é membro da Pastoral do Dízimo, destaca que para concretizar os sonhos, a pastoral conta com a colaboração de toda a comunidade,Pepeu, Nara e Nayara que é a grande protagonista de tudo isso. “Temos feito diversas promoções, por último celebramos a festa de Nossa Senhora Auxiliadora, e estamos caminhando para realizar o que é necessário em nossa paróquia”, disse. Pepeu Vargas credita o êxito da caminhada também à visibilidade do pároco em apoiar a equipe e estar aberto aos projetos que são apresentados. 

Objetivos

No próximo semestre, a equipe espera, com o apoio e colaboração de toda a comunidade paroquial, aumentar o número de dizimistas. Para isso, a equipe se organiza para fazer um trabalho personalizado de envio de cartinhas e ligações telefônicas para os dizimistas que estão inativos. Segundo Sr. Josino, o trabalho é desafiante porque a Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Catedral) é uma comunidade atípica. “Somos uma paróquia de passagem e de afinidade. A população que mora no território paroquial é reduzida e nós temos muitas paróquias vizinhas e próximas. Participam trabalhadores do setor central ou apenas visitantes de maneira esporádica, já outras celebram conosco porque gostam da Catedral. Algumas ainda vêm por prática de horário e quantitativo de missas. Por isso, poucos se sentem membros e isso se torna uma dificuldade para fazer nosso dízimo avançar, mas vamos conseguir estruturar a nossa igreja com o apoio dos dizimistas”, declarou. 

Dimensões do Dízimo

Além da dimensão religiosa que foi apresentada durante a entrevista pelo grupo, cuja preocupação especial se dá com a manutenção do templo, o dízimo também é a expressão da gratuidade e do desapego de tudo aquilo que Deus nos dá para ajudar nas dimensões sociais, ou seja, os irmãos mais necessitados da comunidade por meio das pastorais sociais, com a promoção do ser humano, resgatando os menos assistidos à vida. Essa dimensão conforme a equipe, é o segundo passo a ser implementado na paróquia. Outra dimensão importante é a missionária, cujo objetivo é sustentar as ações de evangelização da comunidade exercidas fora do território da paróquia, como exemplo ajuda à Cúria Metropolitana, ao seminário e às missões da Igreja no mundo. Essa também está sendo estruturada. “A dimensão social é o nosso principal objetivo. Sem caridade acredito que ninguém desta equipe estaria aqui tão empenhada pela pastoral”, completou o coordenador Pepeu. 

Cadastre-se aqui

 

Atendimento

(62) 3223-4581 / 3225-0339