O que você procura?

Notícias

Escrito em 22/07/2019 por Fúlvio Costa

Mons. Daniel é transferido da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, Catedral de Goiânia

Sacerdote assume nova paróquia no próximo domingo, 28, às 19h30.

Imagem Homilias
Fotos: Fúlvio Costa

Após quase três anos como pároco da Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora (Catedral Metropolitana de Goiânia) Mons. Daniel Lagni foi transferido para a Paróquia Nossa Senhora Guadalupe, no Parque das Laranjeiras. A missa de despedida aconteceu neste domingo (21) às 19h, presidida por ele mesmo. “Eu não vou para o fim do mundo, mas aqui perto, no Parque das Laranjeiras. Só tenho a dizer a vocês estas poucas palavras: obrigado, desculpa e perdão”, disse aos paroquianos presentes na celebração.

O acólito Marcos Paulo Mota disse algumas palavras ao sacerdote nas quais pediu permissão para chamá-lo de pai. Agradeceu por tudo que Mons. Daniel fez pela comunidade e desejou frutuosa missão na nova paróquia. “Obrigado pelas palavras, pelo carinho e eu acho que o Monsenhor merece uma salva de palmas”, concluiu sua fala. 

Em sua homilia, o presidente da celebração refletiu sobre o Evangelho do dia (Lc 10, 38-42) trecho em que Maria e Marta recebem Jesus em casa, mas somente Maria é quem dá a devida atenção ao Senhor. “Duas coisas são muito importantes, acolher a Deus e sua palavra e também o irmão”, afirmou. Em seguida ele contou que esteve anos atrás em Frankfurt, na Alemanha, “perdido” e uma família o ajudou na rua, no meio da noite mesmo sem conhecê-lo. “Devemos acolher e hospedar a Jesus e o outro em nosso coração e não deixar que Deus passe sem ter lugar em nossas vidas. Temos que encontrar tempo em meio aos afazeres para a oração e a contemplação, isto é, deixar o Senhor entrar em nossas vidas”, explicou. 

Por fim, Mons. Daniel disse que a sociedade atual precisa resgatar os valores do evangelho nos mais diversos âmbitos: políticos, sociais, éticos. “Nós cristãos temos que valorizar a acolhida universal, pois há muitas pessoas que precisam e basta pensar na população de milhões de refugiados que temos pelo mundo, sobretudo da África, do Oriente Médio, também os haitianos e venezuelanos e é nosso dever ajudar essas pessoas a viverem com a dignidade de filhos e filhas de Deus”, concluiu.

Mons. Daniel assume nova paróquia no próximo domingo, 28, às 19h30. Já a Catedral terá como pároco, novamente, o Pe. Carlos Gomes Silva, que já teve à frente desta paróquia nos anos de 2013 a 2016 e deixou para estudar Direito Canônico, em Roma (Itália). Ainda não há uma data certa para o Pe. Carlos assumir, pois seu pai sofreu um infarto e veio a falecer e o padre encontra-se na Bahia. "Que Deus o tenha em sua glória. Nossos sinceros sentimentos ao Pe. Carlos e família". O vigário paroquial, Pe. Zezão também foi transferido e irá colaborar na Paróquia Nossa Senhora Guadalupe. Deus abençoe a missão dos três sacerdotes. 

VEJA TODAS AS FOTOS

 

Atendimento

(62) 3223-4581 / 3225-0339